domingo, 8 de janeiro de 2012

2.24.49

Não, não é nenhuma marca à maratona...é sim o mísero tempo que fiz aos 800m depois da maratona :-)

Blá, blá, blá, estava frio, blá, blá, blá, estava vento, o que eu sei é que parti e a sensação é que não tinha mudanças, fui sempre "em primeira". Passei aos 400 metros em 67 segundos, em último destacadíssimo, e ainda me convenci que talvez não quebrasse muito e conseguisse fazer os outros 400 metros para 70/71 segundos...pois, essa expectativa durou até aos 550 metros, altura em que o ácido láctico atacou forte e se traduziu numa última volta vergonhosa de 77 segundos.

Esta prova de preparação da AAL, na pista Prof. Moniz Pereira, marca o arranque da minha época de pista. A marca obtida, 2.24,49 (293 pontos) ficou bastante aquém do meu recorde de 2.17,33. Até ao Nacional de Pista Coberta há um loooooooongo caminho a percorrer...

***


2 comentários:

rustman disse...

Fraquinho... ;)

José Xavier disse...

Nuno;

Isto depois de uma maratona, só sabemos andar em primeira. Mesmo que tentamos acelerar o motor não obedece.

Um abraço
Xavier